terça-feira, 27 de março de 2012

Dispara crédito que usa imóvel como garantia


A modalidade de crédito que tem imóvel como garantia em caso de inadimplência disparou em 2011, após mudanças feitas pelos bancos. 

Para este ano, as instituições apostam em maior expansão da linha, que tem um dos menores juros do mercado, segundo o jornal "Folha de S.Paulo". 

Entre as principais alterações estão a ampliação do prazo de pagamento, o que permite prestações menores, e a elevação do limite do valor emprestado. 

Na Caixa Econômica Federal houve ampliação do prazo do financiamento, de 120 para 180 meses. O saldo do crédito da modalidade cresceu de R$ 320 milhões, em 2010, para R$ 2,1 bilhões no ano passado. 

Para 2012, o banco prevê que o total de empréstimos some R$ 5 bilhões, segundo o superintendente Humberto Magalhães. 

No Banco do Brasil, a modalidade foi lançada em outubro de 2010. A projeção é que o saldo de R$ 206 milhões apurado ao fim de 2011 atinja, em 2012, R$ 1 bilhão. 

Indicação 

O crédito não precisa ter destinação específica. É recomendado para quem está endividado e busca recursos para quitar um empréstimo mais caro. A modalidade também é procurada por empresários que pretendem investir no negócio.

Escritórios: Brasil

é bom para investir

Destak Jornal - SP - Seu Valor

0 comentários: